Publicidade

quinta-feira, 19 de fevereiro de 2009

Celso Lungaretti: Folha diz que ditadura brasileira foi "Ditabranda"


Mal começou o carnaval, a mídia gorda, cansada dos ensaios, decidiu rasgar a fantasia e sair nua. Na última terça-feira (17), a Folha de S. Paulo, ávida por caracterizar o presidente Hugo Chávez (Venezuela) como ditador, publicou um editorial onde denomina de "ditabranda" o regime militar brasileiro, ironizando o termo "ditadura".

"Mas, se as chamadas 'ditabrandas' - caso do Brasil entre 1964 e 1985 - partiam de uma ruptura institucional e depois preservavam ou instituíam formas controladas de disputa política e acesso à Justiça -, o novo autoritarismo latino-americano, inaugurado por Alberto Fujimori no Peru, faz o caminho inverso. O líder eleito mina as instituições e os controles democráticos por dentro, paulatinamente", afirma grosseiramente o editorial.

O jornalista e escritor Celso Lungaretti  publicou em seu blog, Náufrago da Utopia, o artigo Nova falácia da Folha de S.Paulo: "Ditabranda" é a PQP!, denunciando mais este crime da mídia gorda de nosso país.

Antes, assista o vídeo abaixo, uma antiga propaganda do mesmo jornal. Note que nada mudou. Se mudou foi para pior.

5 comentários:

Celso Lungaretti disse...

Humberto, sob a fantasia da Folha escondia-se um troglodita: o jornal reagiu à indignação dos leitores taxando dois deles de cínicos e mentirosos.

E não foram quaisquer leitores, mas sim o Fábio Konder Comparato e a Maria Vitória Benevides.

Os loucos tomaram conta do hospício...

Caim disse...

Amigo Humberto, o Carta Latina jaz. Motivo? Algumas ameaças de morte que venho recebendo nos últimos dias. E pior, não é da direita não. É de gente que se diz de esquerda mesmo, mas sequer leu uma das vírgulas do Das Kapital. Portanto, sai do blog para entrar na vida. Grande abraço e sempre passarei por aqui.

Humberto Carvalho Jr. disse...

Amigo Caim,

Recebi a notícia do encerramento do seu blog com muita tristeza. Tentei acessar o link várias vezes, pensando que fosse um erro causado pela minha conexão.

Espero que você volte a escrever logo. Quando criar outro blog, avise-me. Você é uma das minhas maiores referências entre os blogueiros.

Abraço!

Anônimo disse...

Caro Humberto,
Peço que se arrependa e que pare de apoiar uma ideologia que matou mais do que o nazismo no mundo inteiro. Você deve achar que um blog não faz mal, porem eu acredito que todas as ações de todas as pessoas têm conseqüências sim. Comunismo= ditaduras sanguinárias e repressoras sem exceção , mas você prefere fechar os olhos para este fato, felizmente a maioria das pessoas não é cega e não vai admitir viver numa sociedade brutal, onde o individuo não têm direitos.
O Brasil não quer revolução e sim evolução. Que a paz reine entre as pessoas de classes sociais diferentes e não o ódio e a violência, pois somos todos filhos de Deus. Quem decide é o individuo e não o estado. O estado está a serviço do cidadão e é servente dele. Nos países comunistas sempre foi o inverso.

Humberto Carvalho Jr. disse...

Anônimo,

O próprio fato de você não ter coragem de assinar o seu nome revela a forma covarde como vocês direitistas, com o pífio discurso da "Ordem e Progresso", tentam perpetuar a desigualdade social no mundo inteiro. Escrevo o que penso e assino. Assumo o meu discurso.

Você está enganado em muitas outras coisas. Para começar, não acho que um blog não faz mal. A intenção deste blog é incomodar pessoas como você, que reproduzem burramente o discurso da mídia corporativista. Funcionou.

Pergunte aos brasileiros que passam fome se o Estado os serve, se lhes representa. Aposto como você achava as aulas de história tediosas e infinitas.

Entre tantas, mais um confusão: você não entende a diferença entre modelo econômico e regime de governo. Temos, ainda hoje, inúmeros exemplos de governos neoliberalistas (modelo econômico) que governam em "regimes ditatoriais". Aconselho, Anônimo, que leia um pouco mais para não morrer estúpido.

Não sei onde você, caro Anônimo, está enxergando paz entre as classes sociais. O genocídio na palestina para você é uma forma de paz?

Mais: Quem te informou que o brasil não quer a revolução? Graças aos políticos que você apóia, grande parte dos brasileiros, como não tiveram acesso à educação, não reconhecem a necessidade de uma revolução e apegam-se, como você, ao ideal da evolução. Todos os povos querem a revolução quando têm instrução suficiente para saber que estão sendo explorados, ludibriados.

Jamais apoiei nenhum tipo de ditadura, nem mesmo a do proletariado. Apoio a luta por uma sociedade mais justa e igualitária, onde o enriquecimento da minoria detentora do capital não prevaleça sobre os direitos da maioria.

Você, Anônimo, e outros militantes do capitalismo são muito ignorantes. Preferem comprar um carrão e andar com o cu na mão do outro lado do vidro.

Podemos debater várias outras vezes, mas da próxima vez assine o seu nome. A covardia é ridícula.